et-loader
Return to previous page

Proteína Vegana

Show
PROMO 20%

FUSION PROTEIN CACAU 900G

R$245,00 R$196,00

até 6x de R$32,67 sem juros

Comprar
PROMO 23%

FUSION PROTEIN BAUNILHA 900G

R$245,00 R$189,00

até 6x de R$31,50 sem juros

Comprar
PROMO 23%

FUSION PROTEIN NATURAL 900G

R$245,00 R$189,00

até 6x de R$31,50 sem juros

Comprar
PROMO 24%

PROTEÍNA DE ARROZ CACAU 900G

R$245,00 R$186,40

até 6x de R$31,07 sem juros

Comprar
PROMO 24%

PROTEÍNA DE ARROZ MORANGO 900G

R$245,00 R$186,40

até 6x de R$31,07 sem juros

Comprar
PROMO 24%

PROTEÍNA DE ARROZ NATURAL 900G

R$245,00 R$186,40

até 6x de R$31,07 sem juros

Comprar
PROMO 23%

PROTEÍNA DE ERVILHA CACAU MORANGO 900G

R$245,00 R$189,00

até 6x de R$31,50 sem juros

Comprar
PROMO 23%

PROTEÍNA DE ERVILHA BAUNILHA 900G

R$245,00 R$189,00

até 6x de R$31,50 sem juros

Comprar
PROMO 23%

PROTEÍNA DE ERVILHA NATURAL 900G

R$245,00 R$189,00

até 6x de R$31,50 sem juros

Comprar

O QUE É PROTEÍNA VEGANA

Proteína vegana, proteína vegetal, proteína plant-based e whey vegano são alguns dos nomes usados para indicar suplementos proteicos produzidos a partir de fontes vegetais. As proteínas veganas são uma excelente opção de suplementação proteica que ganhou espaço na dieta de atletas, esportistas, nutricionistas, médicos e pessoas que optam por uma alimentação mais natural, clean-label* e sem exploração animal.

*Clean-label: produtos com um mínimo de ingredientes e que privilegia insumos os mais naturais possível.

TIPOS DE PROTEÍNA VEGANA

Existem diversas plantas ricas em proteínas, porém as fontes vegetais mais utilizadas na produção de suplementos em pó – isolado e concentrado – são a soja, o arroz e a ervilha.
Embora a proteína de soja seja a mais acessível em termos de valor e ofereça um perfil de aminoácidos completo, muitas pessoas apresentam alergias, intolerância ou sensibilidade ao grão. Atualmente, as proteínas veganas mais consumidas no mundo são a proteína de arroz e a proteína de ervilha, ambas hipoalergênicas e obtidas por processos tecnológicos que garantem um alto score de aminoácidos.

A proteína de arroz (Rice Protein), por exemplo, tem alta quantidade de Metionina e uma quantidade menor de Lisina (ambos aminoácidos com impacto direto na construção muscular), enquanto a proteína de ervilha (Pea Protein) oferece menos Metionina mas é rica em Lisina. Por isso, a associação dessas duas fontes diversifica e equilibra a ingestão de aminoácidos na alimentação restrita à vegetais, como no caso dos veganos e vegetarianos.

Pensando nisso, alguns suplementos veganos já são elaborados utilizando blends de fontes vegetais. A VeganWay foi pioneira nesse blend de fontes vegetais no Brasil com Fusion Protein, um mix de Pea Protein e Rice Protein com Amaranto e Quinoa, que oferece um perfil de aminoácidos mais balanceado e rico em antioxidantes, vitaminas, minerais e fibras solúveis.

COMO É FEITA A PROTEÍNA VEGANA

As proteínas veganas são obtidas por processo tecnológico de ultrafiltração, sem a utilização de solventes químicos, pelo qual várias camadas de membranas sintéticas criam barreiras permeáveis e seletivas, que filtram e isolam a proteína ao mesmo tempo que eliminam ou reduzem ao mínimo antinutrientes naturalmente presentes em grãos e leguminosas, como oligossacarídeos e fitatos. O resultado é um suplemento em pó fino, de boa solubilidade e textura e alta qualidade nutricional.

** Oligossacarídeos – carboidratos solúveis não digeríveis encontrados em grande variedade de alimentos do reino vegetal; Fitatos – antinutriente que reduz a absorção pelo organismo de certos nutrientes como Zinco, Ferro e Cálcio, e naturalmente presente em grãos e leguminosas, que é drasticamente reduzido ou eliminado da proteína vegetal por processo de incubação enzimática durante a produção.

A QUALIDADE DA PROTEÍNA VEGANA VS. A PROTEÍNA ANIMAL

Proteínas são moléculas essenciais para os organismos dos animais e devem ser ingeridas em quantidades adequadas. Além da quantidade, é importante considerar sua qualidade.

O valor nutricional de uma proteína depende de um combinado de fatores como sua composição, digestibilidade, biodisponibilidade de aminoácidos essenciais, ausência de toxicidade e fatores antinutricionais. Atualmente, o score de aminoácidos corrigido pela digestibilidade (PDCAAS) é considerado o melhor método de avaliação de qualidade de proteínas para suplementação, levando em conta a composição de aminoácidos e a facilidade de digestão e de absorção da proteína pelo organismo humano. O score vai de 0 a 1, sendo 1 o maior score.

As proteínas veganas isoladas ou concentradas, extraídas por métodos modernos e tecnológicos, apresentam perfis entre ,8 e ,9 — ou seja, chegam muito perto do escore 1 das proteínas de origem animal, e ainda trazem benefícios agregados.

BENEFÍCIOS DA PROTEÍNA VEGANA

Para além da construção muscular, as proteínas de fonte vegetal oferecem vários benefícios em comparação às proteínas de origem animal (whey/caseína/albumina):

    • São hipoalergênicas (a incidência de problemas com as matérias-primas arroz e ervilha é mínima se comparada à quantidade de pessoas com alergias ou intolerância à lactose/leite presentes no whey, caseína/albumina e na soja)
    • Durante a extração da proteína vegetal os carboidratos naturais das plantas são praticamente eliminados do produto final
    • São isentas de fitatos e oligossacarídeos
    • Fonte natural de vitaminas e minerais importantes para a saúde
    • Fonte natural de fibras solúveis que auxiliam no trânsito intestinal e aumentam a sensação de saciedade
    • As matérias-primas utilizadas na produção das proteínas de arroz e ervilha são livres de transgênicos
    • No caso de Rice Protein Raw da VeganWay, o arroz utilizado para extração da proteína é certificado Orgânico pela USDA* e livre de metais pesados
    • As proteínas veganas da VeganWay são adoçadas com stévia ou sweeta, edulcorantes naturais de fontes vegetais
    • Os produtos da VeganWay são livres feitos com matérias-primas importadas e nacionais de altíssima qualidade, sem adição de açúcares ou sal, sem corantes artificiais e com um mínimo de ingredientes e o máximo de sabor.

A EFICIÊNCIA DA PROTEÍNA VEGANA X PROTEÍNA ANIMAL

Estudos compararam o desempenho de atletas que utilizaram como suplemento a proteína animal, com atletas que utilizaram a proteína vegana, e os resultados foram semelhantes. Ou seja, ambos grupos de atletas obtiveram melhoras nos índices de massa corporal e no rendimento, aumentando massa magra e força muscular, além de diminuir o percentual de gordura corporal. A proteína vegetal obteve melhores resultados ainda nos participantes que estavam retornando ou iniciando treinamento de hipertrofia.

COMO TOMAR A PROTEÍNA VEGANA

Assim como as proteínas de origem animal, Pea Protein, Rice Protein e Fusion Protein são indicadas para consumo no pós-treino, quando auxiliarão na reconstrução muscular (massa magra).

A porção de referência recomendada para um adulto saudável e ativo seguindo uma dieta de 2.000 Kcal ou 8.400kJ é 30 gramas ao dia (1 dosador). No entanto, para alcançar seus objetivos com a manutenção da saúde, é fundamental consultar um nutricionista ou médico antes de consumir suplementos alimentares de qualquer origem e para qualquer fim. Apenas o consumo orientado por profissional da saúde, aliado a um plano de exercícios, levará você a alcançar os resultados desejados com segurança.

Se o seu/sua Nutricionista ainda não conhece a VeganWay ou deseja conhecer mais sobre nossas proteínas veganas, bcaa e linha completa de produtos plant-based, indique ele/ela para nós, aqui. Ficaremos felizes em apresentar nossos produtos.

ONDE COMPRAR PROTEÍNA VEGANA

    • Se você é consumidor pode comprar online proteínas veganas no site www.veganway.com.br
    • Se você é lojista e deseja ser parceiro da VeganWay, entre em contato pelo email comercial@veganway.com.br
    • Se você é nutricionista, entre em contato pelo nutri@veganway.com.br e enviaremos nosso material técnico e informativo.

RECEITA COM PLANT-BASED

Aprenda a fazer um delicioso shake proteico para tomar no seu pós-treino.

Ingredientes
250 ml de água bem gelada
2 dosadores (30g) de Fusion Protein da VeganWay sabor Baunilha
1 colher de sobremesa de pasta de amendoim
1 colher de chá de cúrcuma em pó
2 tâmaras hidratadas por 15 min

Modo de Preparo: Bata tudo no liquidificador até obter uma mistura cremosa e homogênea. Sirva com raspas de coco ou nibs de cacau. Consumir em seguida.

Quer mais ideias deliciosas com os produtos da VeganWay? Clique aqui para baixar.